Hora certa:
 

Noticias

AMIB LANÇA TERCEIRA EDIÇÃO DE SUA CAMPANHA NACIONAL

Nesta quinta-feira, dia 11 de agosto, às 16h, a Associação de Medicina Intensiva Brasileira – AMIB lança a terceira edição da campanha nacional “Orgulho de Ser Intensivista”.  O evento de lançamento vai acontecer no Caesar Business Hotel – Salas 8 e 9, na Vila Olímpia, em São Paulo. 
Um dos objetivos da campanha deste ano é destacar o papel do médico intensivista no processo de captação e doação de órgãos, principalmente em cinco importantes etapas: Identificação do Potencial Doador, Diagnóstico e Comprovação de Morte Encefálica, Entrevista com a Família e Manutenção do Potencial Doador.
A edição 2011 da campanha contará com materiais informativos direcionados aos médicos intensivistas e equipe, e ainda às famílias. Todo material da campanha destinado aos profissionais foi pensado e desenvolvido para oferecer informações precisas e atualizadas para uma atuação cada vez mais efetiva do médico intensivista neste importante processo, que é o de captação e doação de órgãos.
Já para as famílias foram desenvolvidos dois materiais distintos e esclarecedores: o primeiro focado na família do paciente internado numa UTI, independente da causa da internação e gravidade do caso. O segundo é direcionado a família do potencial doador de órgãos, que é aquele que já teve o diagnóstico da morte encefálica.
“No material desenvolvido para as famílias tivemos a preocupação de usar uma linguagem simples e didática, sempre com o intuito de esclarecer o passo a passo do processo de captação e doação de órgãos e, principalmente sobre a morte encefálica, tema ainda pouco compreendido pela população”, diz o Dr. Fernando Osni Machado, responsável pela edição 2011 da campanha.
Transplantes no Brasil
Desde 1968, ano em que foi realizado o primeiro transplante de órgão sólido no Brasil, o país vem apresentando, ano a ano, aumento no número de captação e doação de órgãos.
Em 2010, segundo dados do Ministério da Saúde, foram realizados 21.040 procedimentos, ante os 20.053 procedimentos realizados em 2009. Cirurgias dos chamados órgãos sólidos - coração, fígado, pulmão, rins e pâncreas - tiveram aumento de 7%, enquanto os transplantes de medula óssea cresceram 10% no período. Mas, mesmo com este crescimento, mais de 60 mil pessoas, em todo Brasil, estão em lista de espera para receber um órgão. 

Artigos

ver tudo

Banner SBH

Banner Snifbrasil

Banner DPM


SnifDoctor é uma publicação

(11) 5533-5900 – dpm@dpm.srv.br
O conteúdo dos artigos assinados no site e no boletim SnifDoctor é de responsabilidade de cada um dos colaboradores. As opiniões neles impressas não refletem, necessariamente, a posição desta Editora.
Não é permitida a reprodução de textos, total ou parcial sem a expressa autorização da DPM.
Informações adicionais poderão ser solicitadas pelo e-mail editor@snifdoctor.com.br. Qualquer problema, ou dificuldade de navegação poderá ser atendido pelo serviço de suporte SnifDoctor, pelo e-mail dpm@dpm.srv.br

Seu IP: 54.156.92.243 | CCBot/2.0 (http://commoncrawl.org/faq/)