Hora certa:
 

  • Jornal SBC

Sociedades

Sociedade Brasileira de Cardiologia expande “SBC vai à Escola” para 63 mil alunos da rede pública

O Comitê da Criança e do Adolescente da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) está formando monitores em 21 cidades do Estado de São Paulo, para ações educativas de conscientização sobre doenças cardiovasculares e a importância de preveni-las. O programa faz parte do ‘SBC vai à Escola’, em parceria com a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo e a Socesp.

Diretores, professores e alunos também participam das oficinas, com salas de Nutrição para abordar a alimentação saudável e diversidade alimentar, de Atividade Física para promover o exercício e combater o sedentarismo, circuito educativo com salas para Relaxamento, de Teatro com Treinamento em Emergências Cardiovasculares – TECA e Multimídia, onde os estudantes vão interagir com vídeos.

Uma pesquisa realizada com estudantes de 11 a 17 anos, em setembro do ano passado, revelou um alto consumo de alimentos ultraprocessados: 84% dos alunos consumiram macarrão instantâneo, sopa de pacote ou lasanha congelada, no dia anterior da sondagem, conforme questionário. 56% tomaram refrigerantes, 42% ingeriram refresco em pó, 47% comeram biscoito ou bolacha doce recheada e 49% se alimentaram com alguma sobremesa industrializada. Para a integrante do Comitê da Criança e do Adolescente, Carla Lantieri, “os índices são muito elevados e comprovam ainda mais a importância de programas como o ‘SBC vai à Escola’”.

Segundo a cardiologista e coordenadora do levantamento, 72% dos entrevistados disseram ter comido feijão, ervilha, lentilha ou grão de bico no dia anterior, 68% comeram laranja, banana, maçã ou abacaxi, 69% tomaram leite e 86% ingeriram amendoim, castanha de caju ou castanha do Pará. “Apesar da diversidade do cardápio, a alimentação saudável é alcançada quando mais alimentos in natura são consumidos em comparação com os alimentos industrializamos. Devemos ainda atribuir à alimentação saudável ao equilíbrio quali/quantitativo das diversas classes de alimentos, não menos importante é a origem e o tipo de processamento, bem como a forma que é servido à mesa”, alerta Carla Lantieri.
 
Programa vai ser ampliado nacionalmente

A ação coordenada em várias cidades do Estado prepara professores e coordenadores para o Dia do Coração, que será realizado em 25 de setembro, e irá envolver 63 mil alunos da rede pública. Em seguida, o programa será expandido para todo o Brasil. “Vários estados já demonstraram interesse no ‘SBC vai à Escola’. Existe uma necessidade de nacionalização, inclusive com um projeto de lei para implementação em território nacional”, afirma o diretor de Promoção da Saúde Cardiovascular da SBC, Fernando Costa. 

Artigos

ver tudo

Banner SBH

Banner Snifbrasil

Banner DPM


SnifDoctor é uma publicação

(11) 5533-5900 – dpm@dpm.srv.br
O conteúdo dos artigos assinados no site e no boletim SnifDoctor é de responsabilidade de cada um dos colaboradores. As opiniões neles impressas não refletem, necessariamente, a posição desta Editora.
Não é permitida a reprodução de textos, total ou parcial sem a expressa autorização da DPM.
Informações adicionais poderão ser solicitadas pelo e-mail editor@snifdoctor.com.br. Qualquer problema, ou dificuldade de navegação poderá ser atendido pelo serviço de suporte SnifDoctor, pelo e-mail dpm@dpm.srv.br

Seu IP: 35.171.146.16 | CCBot/2.0 (https://commoncrawl.org/faq/)